terça-feira, 1 de setembro de 2009

Meta Real - Maria Eliza Zuccon

O Meta Real foi idealizado pela química e terapeuta Maria Eliza Zuccon há 23 anos e tem conquistado muitos adeptos desde então

Mulher está sempre de dieta. Algumas vivem nessa situação por pura vaidade, outras realmente precisam emagrecer, mas a verdade é que fazer regime virou mania entre elas. E quando se fala em dieta, imaginamos logo restrição de doces, massas e gorduras e excesso de salada e coisas saudáveis. Mas existe um método que vai muito além disso. Já ouviu falar no Meta Real (Método Tático de Reabilitação Alimentar)? Une reeducação alimentar com mudança de certos padrões psicológicos e emocionais. E, acredite, esse tipo de dieta pode fazer com que você elimine até seis quilos por mês.

O Meta Real foi idealizado pela química e terapeuta Maria Eliza Zuccon há 23 anos e tem conquistado muitos adeptos desde então. Funciona como um "curso", em que o interessado conhece os métodos do Meta Real, se matricula e assiste uma vez por semana a palestras com temas relacionados a novas atitudes, autodescoberta, novas percepções. Além disso, os adeptos recebem material de reeducação alimentar formulado por nutricionistas.

"O diferencial do Meta Real é que nós não trabalhamos apenas com reeducação alimentar e sim com o psicológico, nós tentamos mudar a maneira das pessoas pensarem. O intuito é diferenciar a fome física da psicológica, porque a obesidade está, muitas vezes, relacionada com angústia e problemas emocionais que causam compulsão alimentar", explica Tamara L. Allgauer de Melo, orientadora do Meta Real de Fortaleza. Cuidando da alimentação...

Além de trabalhar o lado psicológico e a compulsão por alimentos, o Meta Real também estimula uma reeducação alimentar. Dessa forma, um material de apoio, elaborado por nutricionastas é distribuido para os adeptos da dieta.

1ª Fase:usar um disco alimentar – É como se fosse um guia que orienta a pessoa a montar a própria alimentação de maneira consciente com uma variedade grande de alimentos. A roda, que indica o que, quanto e como comer, é dividida em três grupos alimentares: os construtores (proteínas, como carne vermelha, ovos, aves), os energéticos (gorduras, cereais, açúcares) e os reguladores (frutas, verduras e legumes). Basta girar o disco, escolher uma das sugestões de cada faixa e variar seu cardápio.

2ª Fase:a pessoa já pode parar de usar o disco alimentar e introduzir no dia-a-dia qualquer tipo de alimento. "Nessa fase, a pessoa já está conscientizada de que não existe alimento que engorda ou emagrece, o que conta é a postura de cada pessoa. Ela tem que perceber que dá para comer de tudo, basta parar de comer quando sentir saciedade e não continuar comendo com gula", explica Tâmara, que ainda completa que também é importante comer devagar e saborear bastante os alimentos.

3ª Fase:ter consciência de que é para comer quando sentir fome física e abandonar o prato assim que sentir saciedade", diz a especialista.

O Meta Real estimula que as pessoas façam apenas as três principais refeições do dia: café da manhã, almoço e janta. "O sucesso desse tipo de dieta está no trabalho paralelo da mente com a alimentação. Dessa maneira, dificilmente a pessoa voltará a engordar e é possível perder até 1,5 kg por semana", finaliza Tâmara.

Depoimentos
Alessandra Chimenti, 39 anos – Sempre tive problema de obesidade. Iniciei meu primeiro regime com remédio aos 10 anos e fazia todos os regimes que apareciam, inclusive simpatias, mas nunca atingia minha meta até um dia que cheguei aos 120 kg. Aí uma tia me apresentou o Meta Real. No início tive um pouco de resistência, porque achava que seria só mais uma dieta. Sem nenhuma esperança, comecei a fazer o que foi proposto e o resultado começou a aparecer não só no corpo, mas também emocionalmente/psicologicamente, a mudança foi geral! Emagreci 50 kg em três anos!

Roseli Masi, 40 anos – Comecei a engordar aos 12 anos, quando comecei a me preocupar com minha aparência física e achar que estava gorda. Fiz as primeiras dietas, mas como não eram suficientes, apelei para simpatias, atividade física, fechar a boca e, enfim, tudo para tentar ficar magra, mas era necessário um esforço constante, pois ao menor descuido engordava de 5 a 6 kg.

Fui engordando e emagrecendo inúmeras vezes, até meu primeiro casamento aos 20 anos de idade. Antes de me casar, fiz uma dieta maluca, que chamei de "Dieta da maçã", onde eu não comia nada, quando ia desmaiar, comia apenas uma maçã. Cheguei a desmaiar algumas vezes! A partir daí comecei a engordar sem parar. Em menos de um ano, engordei mais de 20 kg. Fiz diversas tentativas para emagrecer e não conseguia bons resultados. Resolvi tomar remédios sem passar por um médico, usando a mesma fórmula de uma amiga. Emagreci 8 kg e no dia da minha formatura parei de tomá-los, pois tinha a intenção de beber e comer. Nos quatro meses seguintes, engordei 18 kg. Minha vida era assim: um verdadeiro ioiô.

Entre idas e vindas cheguei a pesar 30 kg acima do que eu desejava. Tentava de tudo: fechar a boca, chás milagrosos, remédios naturais, dietas da moda, mas nada adiantava. Com isso, me frustrava cada vez mais e continuava me agredindo, comendo cada vez mais. Foi ai que conheci a Meta Real. Na época estava muito acima do meu peso e não falava de outro assunto que não fosse emagrecer e comer... Trabalhava numa clínica odontológica e lá um dos dentistas comentou que tinha um paciente que havia emagrecido muito em pouco tempo na Meta Real (era exatamente o que eu queria) e outra dentista comentou que sabia onde era, peguei o endereço e fui conhecer uma reunião. Na semana seguinte comecei a frequentar. Emagreci 24 kg em dez meses. No total cheguei a eliminar 30 kg.

29.Ago.2009

fonte: O progresso