terça-feira, 16 de junho de 2009

Modelo de funcionamento

  • Reuniões semanais onde cada participante pode falar abertamente sobre a sua relação com os alimentos, o seu corpo, a sua imagem, o seu sofrimento e o impacto do seu peso na sua vida.
    São reuniões absolutamente confidenciais, em grupo aberto, sem limite mínimo de participantes, com orientação de psicólogo clínico e nutricionista, onde a empatia e o suporte do grupo permitirá aos participantes desenvolver os instrumentos para identificar os “gatilhos” da sua compulsão/purga/adição/recusa alimentar, numa fase precoce, minimizando o seu impacto diário.
  • Reuniões semanais para orientação de novos membros, atribuição de coach e acompanhamento das parcerias entretanto estabelecidas;
  • Identificação dos problemas (natureza, gravidade, generalidade) e suas determinantes;
  • Estabelecimento de objectivos qualitativos e quantitativos para o processo de mudança;
  • Elaboração de planos de implementação de intenções e de planos de solução, automonitorização e auto-avaliação, com registos de prevenção da recaída.