sexta-feira, 7 de agosto de 2009

Auto-estima

Como posso ter uma auto-estima mais elevada?
As raízes de uma auto-estima positiva ou negativa remontam à infância. Porém, como diz Dalai Lama, «não importa quem atirou a flecha, o que importa é arrancá-la».

Ou seja, não importa quem o feriu e lhe provocou esse sentimento. Importa, sim, que olhe para a frente e se determine a transformar esse estado de ser negativo para um estado mental mais positivo.

Quando somos dotados de uma boa dose de auto-estima, somos mais ousados, corajosos, empreendedores. Conhecemos também melhor os nossos limites e sabemos respeitá-los.

Por outro lado, quando a nossa autoconfiança é abalada pela má formação da nossa auto-imagem, temos muito medo de dar passos em frente, e muitas vezes perdemos a capacidade mais sublime que temos: a capacidade humana de sonhar.

Neste cenário, podemos vislumbrar dois caminhos: aquele onde se destrói ainda mais a auto-imagem, sofrendo as consequências, ou optar pela mudança. Inicia-se aí um processo de transformação da auto imagem, com o objectivo de construir uma auto-estima mais positiva.

Fonte:Sapo